image1 image2 image3

Mãe e filha Fashion Blogger|Prazer; Seja bem vindo!|Eu sou a Gracielli Roque|' Eu sou a Duda Roque

Ajustes

 Prê-à-porter do francês, "pronto para usar", foi uma mudança que ocorreu na moda, após a 2º Guerra Mundial. Com a alta-costura em declínio, o prêt-à-porter se tornou uma salvação e revolução, pois a produção passou a ser industrializada, tornando-se possível criar roupas de qualidade em grandes escalas, oferecendo praticidade, variedade e melhor preço. Fazendo a moda e área têxtil tomar um novo rumo.

Até hoje, grande parte da produção de moda, é prê-à-porter ou ready-to-wear (do inglês). Sendo assim, quando vamos a uma loja, escolhemos a peça, pedimos nosso número, experimentamos, vestindo bem é só levar e usar!

Mas como sempre falo nas minhas Consultorias e palestras, mesmo mulheres que vestem exatamente o mesmo número, podem possuir silhuetas (formas de corpo) diferentes uma das outras, é aí que entra os ajustes.


Fazer ajustes em roupas que não são feitas sob medidas, é completamente normal e necessário, para alcançar uma Imagem linda e elegante!


  • Uma bainha muito comprida formando aquela sobra de tecido no final, que além de achatar a silhueta, deixa o visual deselegante;
  • Calça/saia/short larguinho na cintura - muito comum em mulheres que possuem o quadril mais largo e cintura mais fina;
  • Punho da camisa muito comprido;
  • Blusas muito longas, ou alças de blusas que precisam ser diminuídas para não deixar a mostra a peça íntima (sutiã/top).
Esses, são apenas alguns exemplos de ajustes que podem ser feitos quando necessário.

Ou seja, na sua próxima compra, não se preocupe caso seja necessário fazer algum ajuste, como disse, é completamente normal em roupas prê-à-porter. O resultado será a peça muito mais confortável, elegante e te vestindo lindamente, como se fosse sob medida para você!!!

Compartilhe:

CONVERSATION

0 comentários: